Creepypasta Jeff the Killer

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Jeff era um garoto feliz que se mudou para um bairro elegante com seus pais e seu irmão Liu. Logo que chegaram a sua nova casa uma das vizinhas convidou toda a família para uma festa de aniversário que aconteceria em alguns dias, todos acharam ótimo já que assim poderiam conhecer a todos os que ali viviam. 

Depois de toda a mudança, chegou o primeiro dia de aula dos meninos e eles estavam empolgadíssimos, porém as coisas não começaram bem. Enquanto esperavam o ônibus, três meninos interviram dizendo que só poderiam entrar no transporte se lhes pagassem uma espécie de tarifa. Jeff se sente completamente injustiçado e acaba perdendo o controle de sua raiva, socando os três meninos no estômago. 

Após a agressão, os dois irmãos correram para casa e prometeram esquecer o ocorrido, porém logo a polícia ficou sabendo do que aconteceu e foi até lá tirar satisfações. Liu, como não queria que Jeff levasse a culpa, assumiu a autoria das agressões e acabou sendo preso, recebendo a pena de um ano. 

Então, alguns dias depois seria a tal festa de aniversário e, mesmo depois de todo o ocorrido, a família decidiu que seria bom conhecer novas pessoas e esclarecer tudo o que vinha acontecendo. Obviamente, Jeff também foi e lá acabou encontrando aqueles três meninos novamente, porém desta vez eles é quem estão com sede por violência. Jeff apanhou como nunca tinha antes sofrido, porém ao longo da briga sente-se extremamente enfurecido novamente e acaba unindo toda a sua força e contra-atacando os rapazes. 

Com toda aquela adrenalina e raiva, Jeff acaba assassinando dois dos meninos, porém o terceiro o acerta com uma garrafa de vodca e joga um isqueiro acesso, fazendo com que o rosto do menino queimasse por completo. 

Jeff imediatamente foi levado ao médico, onde foi tratado e nele colocaram uma máscara de gesso para apressar a cicatrização. O garoto acaba passando muito tempo hospitalizado utilizando a tal máscara, até que finalmente chega o dia de retira-la e ir para casa. Toda a família, incluindo Liu que havia acabado de ser solto, se reuniu no quarto para presenciar a tão esperada liberdade de Jeff. Porém, todos ficam muito espantados com o que o garoto se tornou, ele acabou ficando com o rosto completamente esbranquiçado e com os lábios extremamente vermelhos. Todos ficam preocupados com as consequências que todo este processo terá na mente de Jeff, tão novo com o rosto transfigurado e com duas mortes em sua responsabilidade. 

Porém, os médicos garantem que assim que o efeito dos analgésicos passasse, o garoto voltaria a ser feliz e teria uma vida normal. Mas ao chegar em casa, não foi bem assim que as coisas aconteceram… Depois do jantar todos foram para seus quartos, então a mãe dos meninos foi lhes dar boa noite, porém não encontrou Jeff em seu quarto. Na verdade, ele estava no banheiro cortando sua boca de lado a lado para que permanecesse sempre sorrindo, ele também havia queimado suas pálpebras para jamais fechar os olhos novamente. 

Desesperada, a mãe sai em busca de seu marido para relatar os acontecimentos e buscar ajuda, porém encontra o homem sobre uma enorme poça de sangue. Ela grita, porém tem seu estridente som interrompido quando Jeff entra no quarto e a golpeia com uma faca. Com todos aqueles barulhos, Liu acorda e quando finalmente abre os olhos, vê Jeff totalmente ensanguentado e deformado em cima dele com uma faca contra seu peito. “Shh, vá dormir” diz Jeff, mexendo na faca.

[zombify_post]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recentes

Patrocinado

Carregando conteúdo

0